SEGUIDORES

segunda-feira, 4 de julho de 2011

GUITARRISTA ! TOQUE COMO STEVE MORSE !!!!

                                  Foto: Juma
Steve Morse: Ensaio  todos dias.  Chova ou faça sol. . Eu aqueço com escalas, de preferência com um metrônomo, depois toco partes difíceis de músicas que certamente são um desafio. Existe uma música instrumental que chamamos de “The Well Dressed Guitar” (A guitarra bem vestida), que me vem à mente como sendo um grande exercício também.



Steve Morse domina muitas técnicas e sabe muito sobre música - seria impossível ensinar tudo que ele faz em apenas um artigo, seriam necessários pelo menos cem! Por isso nós escolhemos um foco. Para que você possa realmente aprender alguma coisa com a leitura, e em pouco tempo, nós lhe ensinaremos basicamente a solar como Steve Morse sola na maioria das vezes. Nós iremos lhe dizer o que ele está fazendo enquanto as pessoas ficam boquiabertas lhe assistindo improvisar, com um grande sorriso no rosto.

As principais características técnicas de seus solos são a velocidade e a precisão. Então, para que você toque como Steve Morse, adicione ao seu treino os seguintes itens:

1-Treine Mais, Treine Menos
Para matar vários coelhos como uma cajadada só, a melhor tática é treinar o máximo de técnicas em um mesmo exercício. Neste exercício você irá treinar precisão, velocidade, palhetada alternada, memorização das escalas e força na mão direita.

Escolha um modelo da escala maior e comece tocando pela tônica. Para exercitar a sua precisão e força na mão direita, toque cada nota com uma palhetada firme e forte (mas nunca deixe a palheta ir para longe da corda). Use sempre a palhetada alternada, ou seja, nunca repita o sentido da palhetada, faça sempre cima, baixo, cima, baixo... Finalmente, use o metrônomo, aumentando a velocidade de 10 em 10 bpm , assim você naturalmente ganhará muita velocidade.

2-Nada de Sweep
O Sweep é a técnica que dá fluidez ao guitarrista, principalmente ao tocar arpejos. Mas Steve Morse não pensa assim, e se você quiser tocar como ele será preciso trilhar o caminho das pedras. A partir de agora esqueça o Sweep, todas as notas serão tocadas com a palhetada alternada! E para que essa idéia fique fixada na sua cabeça, pratique o seguinte exercício, que é o primeiro trecho da música Tumeni Notes, tocada pela Steve Morse Band. Nele, você treina duas técnicas: agilidade e arpejos com palhetada alternada. Esses arpejos estão presentes em muitas músicas de Steve Morse. No início parece algo totalmente bizarro de se tocar na guitarra. Mas é normal. Para não desanimar lembre-se: “A prática leva a perfeição”.

Timbre

Para soar como Steve, é melhor tocar numa guitarra com captadores hambucking, porque eles dão um som mais potente para a distorção, e não produzem tanta microfonia quantos os captadores single coils. Quanto aos efeitos - apenas um pouco de reverb ou chorus.
Experimente usar a distorção do seu próprio amplificador, colocando-a quase no máximo. Se ele for potente, melhor ainda. Caso contrário, coloque o volume bem alto, pois dessa forma se extrai um som mais intenso do amp. Lembre também de girar o botão de volume e tom da sua guitarra ao máximo. Coloque a chave dos captadores para cima, a fim de captar os sons mais graves. Enfim, procure obter um som limpo, porém potente.

Morse usa uma guitarra Ernie Ball Music Man signature, e palhetas heavy Ernie Ball.

-Dicas de Steve Morse

“A melhor maneira de desenvolver velocidade é começar de forma lenta e precisa. Procure um andamento em que você possa tocar as notas com exatidão e aumente gradualmente a velocidade.”

“Quando palheto as cordas graves, fixo meu dedo mínimo na primeira corda; quando palheto as agudas, descanso a parte de trás de minha mão nas cordas graves. Se toco as cordas do meio, abafo as cordas externas com o dedo mínimo e a parte de trás da mão. Isso ajuda a evitar que o som saia embolado quando uso muita distorção. Com a minha mão estacionada perto da ponte, posso alterar o ângulo da palhetada para obter diferentes cores de cordas abafadas.”

Você pode encontrar mais lições de Steve Morse em suas vídeo-aulas (muitas estão no youtube), onde ele ensina com didática e clareza.
Fonte: Guitar Coast.