SEGUIDORES

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

RESPEITO À INDIVIDUALIDADE ****

Para bem viver e conviver é preciso, antes de tudo, que haja respeito pelo modo de ser de cada um.
Nada deve ser feito por obrigação ou submissão.. Há que haver, isto sim, respeito, e amor por sua Vida, e nesta estão:  seus subalternos, seus colegas de trabalho, seu companheiro e principalmente seus filhos..
Lembremos que cada um tem sua vida, e nela estão agregados outras pessoas, que por sua vez estão ligadas a outros. Formando assim, uma corrente; que para funcionar precisa de mobilidade. Para isso é necessário que cada elo desta corrente tenha individualidade.
O grande problema advém de certos conceitos errôneos, que confunde unir com atrelar; de tal maneira que cada elo acaba perdendo a individualidade. Se tentarmos soldar um elo ao outro, esta corrente já não dobra, podendo até se partir e se tornar inútil em sua função de ligar, e unir.
 A força desta corrente está justamente na mobilidade, que depende de sua flexibilidade. Assim, cada elo cumpre sua função sem que haja agressão..

Fonte: UOL